Topo da página

Conteúdo do site

Coluna esquerda

Coluna do centro

Podzólicos Vermelho-Amarelo

Esta classe compreende solos com horizonte B textural, não hidromórficos, com argila de atividade baixa, devido ao material do solo ser constituído por sesquióxidos, argilas do grupo 1:1 (caulinitas), quartzo e outros materiais resistentes ao intemperismo e saturação de bases (V%) baixa, isto é, inferior a 50%.

 

São solos, em geral, fortemente ácidos e de baixa fertilidade natural.Apresentam perfís bem diferenciados, com seqüência de horizontes A, Bt e C, e com horizonte Bt , freqüentemente, mostrando, nas superfícies dos elementos estruturais, película de materiais coloidais (cerosidade), quando o solo é de textura argilosa; são, comumente, profundos a muito profundos, com a espessura do A + Bt oscilando entre 115 e 250cm, exceto nos solos rasos, em áreas reduzidas. São solos de textura arenosa, média ou, mais raramente, argilosa, no horizonte A e média ou argilosa, no horizonte Bt, com relação textural em torno de 1,5 (textura argilosa) e de 3,0 a 10,0, nos de caráter abrúptico ou abrúptico plinthico, os quais possuem características morfológicas bem distintas (coloração variegada ou com mosqueado abundante) e drenagem moderada e/ou imperfeita.

 

No Estado do Ceará, os horizontes A destes solos a coloração (úmido) é muito variada, indo do vermelho- amarelado ao bruno-acinzentado; a estrutura é moderada a forte pequena a grande, granular, de consistência ligeiramente duro a muito duro, quando seco e friável, quando úmido, nos solos com A moderado, enquanto nos solos com A fraco, a estrutura apresenta-se maciça, pouco ou muito coesa, ou em grãos simples, ou, ainda, fraca a muito fraca pequena granular ou blocos subangulares, cuja consistência varia de solto a ligeiramente duro, quando seco e solto a muito friável, quando úmido.

 

O horizonte B apresenta coloração (úmido), mais frequënte, vermelho-amarelado, vermelho, bruno-forte e bruno-amarelado. A estrutura é fraca ou moderada, pequena ou muito pequena, blocos subangulares, ocorrendo maciça em alguns solos com plinthite.

 

É freqüente a presença de cerosidade (pouca a abundante; fraca a forte) e a consistência macio a muito duro (seco) e muito friável a firme (úmido). Distribuem-se pelas zonas fisiográficas do Litoral, Sertão do Baixo Jaguaribe e de Baturité. Os de caráter abrúptico ou abrúptico plintico predominam nas zonas do Litoral e Sertão do baixo Jaguaribe e são derivados de sedimentos do Grupo Barreiras ou, em menor proporção, de arenitos da formação Açu, do Cretáceo.

 

Ocorrem sob relevo plano e suave ondulado e vegetação de caatingas hipo e hiperxerófila e transição floresta/caatinga.O relevo varia de plano a montanhoso. Quanto ao clima predominam os tipos Aw' de Köppen e os bioclimas 4bTh, 4aTh e 4cTh de Gaussen, com precipitações pluviométricas médias anuais entre 800 e 1500mm; no maciço de Baturité (PV1) ocorrem os tipos climáticos Amw' de Köppen e 6b de Gaussen, com precipitações pluviométricas médias anuais de 1.700mm, praticamente sem estação seca.

 

A vegetação é bastante diversificada, encom-trando-se as caatingas hipo e hiperxerófilas, as florestas subperenifólia, subcaducifólia e a transição floresta/caatinga, com um certo predo-mínio das caatingas hipo e hiperxerófilas. A maior limitação ao uso agrícola destes solos nas zonas do Litoral e do Sertão do Baixo Jaguaribe decorre de sua baixa fertilidade natural e forte acidez, necessitando, desse modo, do uso de fertilizantes, com a correção prévia da acidez. Em grande parte são favorecidos pelo relevo (predominantemente, plano e suave ondulado) que proporciona totais condições ao uso de máquinas agrícolas.

 

Por outro lado, nas áreas acidentadas da zona de Baturité, o relevo constitui limitação muito forte à mecanização e os solos são bastante susceptíveis à erosão.

Coluna direita

Previsão para Fortaleza

 ◄◄  ◄  ►►  ► 
OUTUBRO 2019
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Voltar ao topo da página

Rodapé da página

Avenida Rui Barbosa, 1246, Aldeota - Fortaleza/CE - CEP.: 60.115-221

Fone: (85) 3101.1088 - Fax: (85) 3101.1093 - Email: funceme@funceme.br

Copyright © 2014 - Governo do Estado do Ceará. Todos os direitos reservados